Bandeiras de luta - Defesa da indústria nacional e do emprego; aumento real de salários; redução da jornada para 40 horas semanais; trabalho decente; fim do fator previdenciário; aumento real dos benefícios dos aposentados que ganham acima de um salário mínimo; trabalho igual, salário igual; qualificação profissional; e reforma agrária são algumas das bandeiras do movimento sindical.

Show - Os trabalhadores poderão assistir gratuitamente a apresentação de Paula Fernandes, Eduardo Costa, Marcos & Belutti, Edson & Hudson, João Netto& Frederico, Léo Magalhães, KLB, Daniel, Cesar Menotti & Fabiano, Inimigos da HP e Padre Alessandro Campos. O cantor Latino fechará o show.

Sorteio de prêmios - Serão sorteados 15 carros zero quilometros e um caminhão de prêmios. Os trabalhadores deverão depositar nas urnas o cupom preenchido logo pela manhã. O sorteio ocorrerá ao longo do dia entre as apresentações de artistas e discursos dos líderes sindicais.

Autoridades - Já estão confirmadas as presenças do secretário-geral da Presidência da República, ministro Gilberto Carvalho; o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin; o prefeito da capital, Gilberto Kassab; e o senador Aécio Neves (PSDB-MG).

Haverá posto médico no local, ambulância com UTI, banheiros químicos, brigadistas de incêndio, seguranças e monitoramento com câmeras. A melhor maneira de chegar ao local é através do metrô (descer na estação Santana).