Contraproposta foi apresentada minutos antes da assembleia
Trabalhados do Hospital Auxiliadora rejeitam proposta de reajusteCrédito: Arquivo

Na noite desta segunda-feira, 11, o Sindicatos dos Enfermeiros, Técnicos e Auxiliares – SETA e Sindicato dos Empregados nos Estabelecimentos de Saúde - SINEES se reuniram para deliberar sobre a paralisação no Hospital Auxiliadora. A proposta, que foi protocolada minutos antes da reunião, foi negada pelos trabalhadores.

O presidente dos sindicatos, João Carvalho, aguardava desde o dia 02 de abril uma resposta do hospital, que só se pronunciou depois de notificado sobre um estado de greve. “Isso só demonstra o descaso desta administração com os trabalhadores, faltando pouco tempo para iniciarmos nossa assembleia eles apresentaram essa proposta, que justifica, ainda mais, a falta de reconhecimento com a categoria”, finalizou.
 

Trabalhados do Hospital Auxiliadora rejeitam proposta de reajusteCrédito: Arquivo

Na noite desta segunda-feira, 11, o Sindicatos dos Enfermeiros, Técnicos e Auxiliares – SETA e Sindicato dos Empregados nos Estabelecimentos de Saúde - SINEES se reuniram para deliberar sobre a paralisação no Hospital Auxiliadora. A proposta, que foi protocolada minutos antes da reunião, foi negada pelos trabalhadores.

O presidente dos sindicatos, João Carvalho, aguardava desde o dia 02 de abril uma resposta do hospital, que só se pronunciou depois de notificado sobre um estado de greve. “Isso só demonstra o descaso desta administração com os trabalhadores, faltando pouco tempo para iniciarmos nossa assembleia eles apresentaram essa proposta, que justifica, ainda mais, a falta de reconhecimento com a categoria”, finalizou.