A Força Sindical Nacional e instância Estadual São Paulo realizará na manhã desta quinta-feira (14) um debate com o tema: “Os impactos da Reforma da Previdência Social para a Mulher”. O encontro, organizado pelas Secretarias de Políticas Públicas para as Mulheres, acontece a partir das 9 horas, na sede da Federação da Alimentação de São Paulo, na Rua Conselheiro Furtado, 987, no Bairro da Liberdade, São Paulo/SP.

Maria Auxiliadora, secretária Nacional de Políticas Públicas para as Mulheres, destaca que diante do atual cenário, com as alterações propostas pelo atual governo, é imprescindível discutir como tais mudanças afetarão diretamente a vida das trabalhadoras. "Todos serão prejudicados, é verdade, mas as mulheres serão ainda mais, pois, além de receber salários inferiores aos dos homens, existem diferenças marcantes na forma de trabalho exercido por homens e mulheres", alerta Auxiliadora.

Já a secretária de Políticas Públicas para as Mulheres da Força Sindical/ SP, Laura de Fátima, adianta que o convite foi feito a todas as mulheres dos sindicatos para, não só celebrar o mês Internacional das Mulheres, mas debater estas questões.

“Neste momento é de fundamental importância que explanemos o tema com as companheiras sindicalistas para subsidiar os trabalhos e atividades nas bases”, explica Laura.

AGENDA - Debate: “Os impactos da Reforma da Previdência Social para a Mulher”.

Data: 14 de março
Horário: 9 horas
Local: sede da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação do Estado de São Paulo
Endereço: Rua Conselheiro Furtado, 987 – Liberdade, São Paulo

PROGRAMAÇÃO MARÇO MULHER 2019

08h00 – Café
09h00 – Abertura
09h40 – Palestra – Reforma da Previdência e os Desafios para o Movimento Sindical - Técnico do DIEESE
10h30– Debates
11h – Palestra – Reforma da Previdência e seus impactos ((Dra. Tônia Galetti)
11h40 – Debates
12h00 – Encerramento

Maria Auxiliadora, secretária Nacional de Políticas Públicas para as Mulheres, destaca que diante do atual cenário, com as alterações propostas pelo atual governo, é imprescindível discutir como tais mudanças afetarão diretamente a vida das trabalhadoras. "Todos serão prejudicados, é verdade, mas as mulheres serão ainda mais, pois, além de receber salários inferiores aos dos homens, existem diferenças marcantes na forma de trabalho exercido por homens e mulheres", alerta Auxiliadora.

Já a secretária de Políticas Públicas para as Mulheres da Força Sindical/ SP, Laura de Fátima, adianta que o convite foi feito a todas as mulheres dos sindicatos para, não só celebrar o mês Internacional das Mulheres, mas debater estas questões.

“Neste momento é de fundamental importância que explanemos o tema com as companheiras sindicalistas para subsidiar os trabalhos e atividades nas bases”, explica Laura.

AGENDA - Debate: “Os impactos da Reforma da Previdência Social para a Mulher”.

Data: 14 de março
Horário: 9 horas
Local: sede da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação do Estado de São Paulo
Endereço: Rua Conselheiro Furtado, 987 – Liberdade, São Paulo

PROGRAMAÇÃO MARÇO MULHER 2019

08h00 – Café
09h00 – Abertura
09h40 – Palestra – Reforma da Previdência e os Desafios para o Movimento Sindical - Técnico do DIEESE
10h30– Debates
11h – Palestra – Reforma da Previdência e seus impactos ((Dra. Tônia Galetti)
11h40 – Debates
12h00 – Encerramento