A pré-pauta salarial dos cem mil frentistas de São Paulo será debatida na próxima sexta-feira, dia 22, na Colônia de Férias dos Frentistas, em Praia Grande, a partir das 9 horas da manhã.
frentistasCrédito: Arquivo

Durante a reunião, convocada pela Federação dos Frentistas de SP - FEPOSPETRO,  serão  deliberadas as  reivindicações – econômicas e sociais – da campanha 2020,  que vem sendo construída pela entidade  com participação dos  seus 18  sindicatos filiados. A data-base da categoria é 1º de março. "Temos hoje uma das melhores Convenções Coletivas. Poucas categorias profissionais têm os benefícios que os frentistas possuem. E nosso principal objetivo será manter essas conquistas”, afirma Luiz Arraes, presidente da Fepospetro e do Sinpospetro de Osasco-SP.

São direitos advindos das negociações coletivas da categoria, os itens:   vale-refeição, cesta-básica, seguro de vida, desconto máximo de 1% no vale –transporte, entre outros. Das considerações dos sindicalistas sobre esses demais pontos sairá o  documento  que, posteriormente,  será submetido, pelos dezoito  sindicatos,  à deliberação dos  trabalhadores. Até o final de dezembro, a Fepospetro convocará nova  reunião  para aprovação da pauta a ser levada aos patrões.

Prestação de Contas: Ainda durante o encontro da próxima sexta-feira (22),  será realizada a Assembleia de Prestação de Contas do ano de 2018, e de Previsão Orçamentária para 2020 da  Federação dos Frentistas de SP. Existente há quase trinta anos, a Fepospetro  congrega dezoito sindicatos, junto dos quais representa cerca de cem mil trabalhadores no estado de SP.  A entidade elegeu nesse ano os  39 membros de sua nova diretoria,que é  encabeçada por Luiz Arraes, presidente reeleito. A entidade  tem sua sede própria localizada na Rua Gomes Freire, num. 562, Lapa, SP.

frentistasCrédito: Arquivo

Durante a reunião, convocada pela Federação dos Frentistas de SP - FEPOSPETRO,  serão  deliberadas as  reivindicações – econômicas e sociais – da campanha 2020,  que vem sendo construída pela entidade  com participação dos  seus 18  sindicatos filiados. A data-base da categoria é 1º de março. "Temos hoje uma das melhores Convenções Coletivas. Poucas categorias profissionais têm os benefícios que os frentistas possuem. E nosso principal objetivo será manter essas conquistas”, afirma Luiz Arraes, presidente da Fepospetro e do Sinpospetro de Osasco-SP.

São direitos advindos das negociações coletivas da categoria, os itens:   vale-refeição, cesta-básica, seguro de vida, desconto máximo de 1% no vale –transporte, entre outros. Das considerações dos sindicalistas sobre esses demais pontos sairá o  documento  que, posteriormente,  será submetido, pelos dezoito  sindicatos,  à deliberação dos  trabalhadores. Até o final de dezembro, a Fepospetro convocará nova  reunião  para aprovação da pauta a ser levada aos patrões.

Prestação de Contas: Ainda durante o encontro da próxima sexta-feira (22),  será realizada a Assembleia de Prestação de Contas do ano de 2018, e de Previsão Orçamentária para 2020 da  Federação dos Frentistas de SP. Existente há quase trinta anos, a Fepospetro  congrega dezoito sindicatos, junto dos quais representa cerca de cem mil trabalhadores no estado de SP.  A entidade elegeu nesse ano os  39 membros de sua nova diretoria,que é  encabeçada por Luiz Arraes, presidente reeleito. A entidade  tem sua sede própria localizada na Rua Gomes Freire, num. 562, Lapa, SP.