(Sintraport)
Representantes do SOPESP - Sindicato dos Operadores Portuários do Estado de São Paulo, do OGMO - Órgão de Gestão de Mão de Obra Portuária e os presidentes dos sindicatos portuários do Porto de Santos se reuniram, na quarta-feira (20), para discutir os problemas relacionados a escala dos trabalhadores, além de discutir o futuro com as novas cargas que serão recebidas em Santos.
 
Na ocasião, falaram também sobre a parceria entre os operadores e os sindicatos para que os trabalhadores não sejam prejudicados no dia a dia do trabalho.
 
Claudiomiro Machado ‘Miro’, Sindicato dos Operários Portuários de Santos e região (Sintraport), explica que será criada uma comissão permanente, com a participação dos representantes sindicais e dos empregadores. "O objetivo é melhorar nosso dialogo daqui para frente e principalmente garantir diretos e condições dignas aos trabalhadores".
 
(Sintraport)
Representantes do SOPESP - Sindicato dos Operadores Portuários do Estado de São Paulo, do OGMO - Órgão de Gestão de Mão de Obra Portuária e os presidentes dos sindicatos portuários do Porto de Santos se reuniram, na quarta-feira (20), para discutir os problemas relacionados a escala dos trabalhadores, além de discutir o futuro com as novas cargas que serão recebidas em Santos.
 
Na ocasião, falaram também sobre a parceria entre os operadores e os sindicatos para que os trabalhadores não sejam prejudicados no dia a dia do trabalho.
 
Claudiomiro Machado ‘Miro’, Sindicato dos Operários Portuários de Santos e região (Sintraport), explica que será criada uma comissão permanente, com a participação dos representantes sindicais e dos empregadores. "O objetivo é melhorar nosso dialogo daqui para frente e principalmente garantir diretos e condições dignas aos trabalhadores".