Neste período de distanciamento social, uma das medidas necessárias contra a disseminação do coronavírus, o movimento sindical também aderiu com mais frequência às ferramentas on-line, fazendo videoconferências entre os dirigentes com os mais variados segmentos da sociedade, inclusive políticos e empresariais, em busca de saídas contra a crise e pela retomada do desenvolvimento econômico.
metalurgicos da forçaCrédito: Arquivo

Na terça, 23 de junho de 2020, presidentes de sindicatos filiados à Federação dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo fizeram em reunião virtual um balanço da realidade na base metalúrgica, principalmente com relação ao emprego, à renda e a saúde da categoria e à situação das indústrias.

“Foi um excelente exercício, democrático, de intercâmbio de informações e opiniões, já nos preparando para futuras assembleias on-line das entidades com os trabalhadores, nas batalhas que iremos travar para garantir os direitos da categoria nos acordos e na Convenção Coletiva de Trabalho”, diz Francisco Sales Gabriel Fernandes, o Chico, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Mococa e região e vice-presidente da Federação.

Chico do Sindicato também informa que está em fase de conclusão na base metalúrgica de Mococa e região a criação de grupos no WhatsApp de trabalhadores por fábrica para que os companheiros e companheiras recebam notícias atuais do mundo do trabalho, dos fatos ocorridos em nossa base territorial e das demais mobilizações sindicais em defesa de seus interesses e reivindicações. “Quem quiser participar, basta passar o número de telefone para os diretores do nosso Sindicato”, diz Chico. “Informação e mobilização são essenciais”.

metalurgicos da forçaCrédito: Arquivo

Na terça, 23 de junho de 2020, presidentes de sindicatos filiados à Federação dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo fizeram em reunião virtual um balanço da realidade na base metalúrgica, principalmente com relação ao emprego, à renda e a saúde da categoria e à situação das indústrias.

“Foi um excelente exercício, democrático, de intercâmbio de informações e opiniões, já nos preparando para futuras assembleias on-line das entidades com os trabalhadores, nas batalhas que iremos travar para garantir os direitos da categoria nos acordos e na Convenção Coletiva de Trabalho”, diz Francisco Sales Gabriel Fernandes, o Chico, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Mococa e região e vice-presidente da Federação.

Chico do Sindicato também informa que está em fase de conclusão na base metalúrgica de Mococa e região a criação de grupos no WhatsApp de trabalhadores por fábrica para que os companheiros e companheiras recebam notícias atuais do mundo do trabalho, dos fatos ocorridos em nossa base territorial e das demais mobilizações sindicais em defesa de seus interesses e reivindicações. “Quem quiser participar, basta passar o número de telefone para os diretores do nosso Sindicato”, diz Chico. “Informação e mobilização são essenciais”.