Os diretores do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes, com apoio de seus assistentes, continuam nas portas de fábrica informando os resultados obtidos até agora na Campanha Salarial 2020 e mobilizando a categoria nas empresas ligadas aos grupos patronais que ainda não fecharam a Convenção Coletiva de Trabalho.
MeacCrédito: Arquivo
Para Miguel Torres, presidente do Sindicato, CNTM e Força Sindical, esta mobilização é fundamental para exigir que as conquistas econômicas e sociais da Convenção Coletiva de Trabalho alcancem toda a categoria. “Os trabalhadores e trabalhadoras, mesmo com os riscos da pandemia, não deixaram de produzir neste período todo. Merecem este reconhecimento, respeito às reivindicações, o reajuste salarial e os demais direitos e benefícios”.
 
A Campanha Salarial 2020 é unificada e reúne 53 sindicatos filiados à Federação dos Metalúrgicos/FS, representando em torno de 800 mil trabalhadores no Estado de São Paulo. Veja mais 
 
MeacCrédito: Arquivo
Para Miguel Torres, presidente do Sindicato, CNTM e Força Sindical, esta mobilização é fundamental para exigir que as conquistas econômicas e sociais da Convenção Coletiva de Trabalho alcancem toda a categoria. “Os trabalhadores e trabalhadoras, mesmo com os riscos da pandemia, não deixaram de produzir neste período todo. Merecem este reconhecimento, respeito às reivindicações, o reajuste salarial e os demais direitos e benefícios”.
 
A Campanha Salarial 2020 é unificada e reúne 53 sindicatos filiados à Federação dos Metalúrgicos/FS, representando em torno de 800 mil trabalhadores no Estado de São Paulo. Veja mais