Menu

Mapa do site

Emissão de boleto

Nacional São Paulo

Emissão de boleto

Nacional São Paulo
11 ABR 2024

Imagem do dia

[caption id="attachment_60940" align="aligncenter" width="700"]Diálogo Sindical em Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora Foto: Jaélcio Santana[/caption]

Imagem do dia - Força Sindical

Enviar link da notícia por e-mail

Força

Salvador (BA) : Centrais Sindicais do estado da BA entregam documento unitário em defesa do emprego, salário e direitos sociais ao governador da BA, Jaques Wagner

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Força

Salvador (BA) : Centrais Sindicais do estado da BA entregam documento unitário em defesa do emprego, salário e direitos sociais ao governador da BA, Jaques Wagner

Foto: Arquivo Força Sindical BA

Segue na íntegra o ducumente entregue ao governador do Estado da Bahia Jaques Wagner

 

 

 

 

Ao

PALÁCIO DO GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA

Excelentíssimo Dr. Jaques Wagner

M.D. Governador do Estado

Documento Unitário das Centrais Sindicais Bahia.

Em defesa do emprego, salário e direitos sociais.

No último qüinqüênio, o Brasil registrou a melhor trajetória de desenvolvimento dos últimos trinta anos. São cinco anos de crescimento num patamar muito superior ao das décadas recentes, com positivo impacto na geração de emprego e elevação dos salários médios, rendimentos reais e da massa salarial da população que trabalha.

Nesse período, um conjunto de políticas que estão sendo implementadas pelo governo federal vêm reforçando a elevação dos rendimentos da base da pirâmide de renda. Destacam-se, entre outras, a política de valorização do salário mínimo negociada com as Centrais Sindicais, a de transferência de renda do Bolsa Família, as de emprego e renda, o fim das privatizações, o avanço do crédito em geral e do crédito consignado em particular, o incentivo à agricultura familiar e o investimento público em infra-estrutura. O PAC representou a consolidação da política de retomada do desenvolvimento, alavancado pelo Estado e com base no mercado interno. Já no seu primeiro ano, em 2007, o PIB teve uma expansão de 5,4% e foram criados 2,5 milhões de novos empregos com carteira assinada.

A Bahia a partir de outubro de 2006 com a eleição do companheiro Jaques Wagner para governador, fruto de uma coalizão de forças progressistas e de esquerda vem possibilitando a construção de um modelo de desenvolvimento voltado para inclusão social. Este é o modelo que queremos preservar.

A profunda crise financeira que surgiu a partir da economia americana e se espalhou rapidamente para os demais países jogou por terra, ou melhor, colocou no devido lugar, o mito de que os "mecanismos de mercado" são os mais eficientes para alocar os recursos econômicos das sociedades. Trata-se, mesmo, do esfacelamento e do esgotamento de todo o aparato teórico-prático do que convencionamos chamar de "neoliberalismo". A imposição dos dogmas do livre-mercado e da auto-regulação gerou, na verdade, o ambiente propício ao "ganho fácil" e à especulação das mega-corporações multinacionais. A crise do modelo que ora desmorona impõe a necessidade de maior controle estatal e democrático da atividade econômica.

Nesse manifesto, apresentamos à Vossa Excelência, aos trabalhadores e à sociedade propostas que visam reforçar a posição da Bahia e do Brasil para enfrentar a crise e sair dela mais forte para atingir os objetivos de crescer e distribuir renda.

Exigência e contrapartidas sociais, especialmente a garantia dos empregos, de todas as empresas/setores econômicos, beneficiados com recursos públicos (empréstimo, isenção fiscal, etc.)

Fim das horas – extras.

Eliminação do banco de horas.

Redução imediata, de pelo menos dois pontos percentuais da taxa básica de juros (SELIC).

Redução substancial do "spread" bancário dos bancos públicos e privados.

Ampliação das parcelas do seguro desemprego.

Ampliar dos aportes financeiros do fundo de amparo ao trabalhador, destinados à qualificação da mão de obra.

Autorização para que o trabalhador possa utilizar até 20% (vinte por cento) da sua conta do FGTS no Fundo de Infra-estrutura (FI-FGTS).

Pela redução da taxa de juros.

Mais propostas para Bahia:

– Redução do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para as empresas que apresentarem problemas em conseqüência da crise com contrapartida social: garantia do emprego e irredutibilidade do salário.

– Manutenção dos acordos celebrados com os servidores públicos do estado.

– Realização de concurso público.

– Ampliar os investimentos e desburocratizar o acesso ao crédito através do Desenbahia para as pequenas e médias empresas.

– Enfrentar o déficit habitacional com mais projetos de moradia popular.

– Intensificar a execução das obras do PAC previstas para o estado.

– Ampliação dos recursos e implementação de programas de emprego e renda para agricultura: Fortalecimento da Agricultura Familiar, intensificar as linhas de crédito, Programa Luz Para Todos, construção de poços artesianos.

– Mais recursos para manutenção e recuperação das estradas estaduais.

– Disponibilizar para domínio público a relação das empresas que receberam incentivos públicos e seus devidos parâmetros.

– Constituir comitê permanente tripartite de monitoramento e combate a crise.

 

Salvador, 27 de janeiro de 2009.

 

Martiniano José Santos Costa

Presidente da CUT-BA

 

Nair Goulart 

Presidente da Força Sindical – BA

 

Adilson Gonçalves de Araújo

Presidente da CTB – Bahia

 

Humberto Froés Moreira

CGTB – Bahia

 

José Álvaro França Rios

Presidente da UGT Bahia

 

José Ramos Felix da Silva 

NCST da Bahia

Fonte: Centrais Sindicais do Estado da BA

Últimas de Força

Todas de Força
Diretoria do Sindicato dos Rodorivários SP toma posse
Força 12 ABR 2024

Diretoria do Sindicato dos Rodorivários SP toma posse

Rescisão de trabalhador com estabilidade só pode ser validada no sindicato
Força 12 ABR 2024

Rescisão de trabalhador com estabilidade só pode ser validada no sindicato

Mínimo RS: Centrais repudiam reajuste de apenas 2,2% proposto por entidades patronais
Força 12 ABR 2024

Mínimo RS: Centrais repudiam reajuste de apenas 2,2% proposto por entidades patronais

Presidentes das centrais farão coletiva, segunda (15), sobre 1º de Maio Unificado
Força 12 ABR 2024

Presidentes das centrais farão coletiva, segunda (15), sobre 1º de Maio Unificado

Força Sindical filia-se ao DIESAT
Força 12 ABR 2024

Força Sindical filia-se ao DIESAT

Faça a sua inscrição e participe do 8⁰ Congresso Internacional de Direito Sindical
Força 12 ABR 2024

Faça a sua inscrição e participe do 8⁰ Congresso Internacional de Direito Sindical

Presidente da Força participa de Seminário promovido pela FETRAMICO
Força 11 ABR 2024

Presidente da Força participa de Seminário promovido pela FETRAMICO

SMC realiza atividade sobre aplicação da Lei de Igualdade Salarial
Força 11 ABR 2024

SMC realiza atividade sobre aplicação da Lei de Igualdade Salarial

Diálogo Sindical em Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora
Imagem do dia 11 ABR 2024

Diálogo Sindical em Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora

O esquenta do 1º de Maio
Artigos 11 ABR 2024

O esquenta do 1º de Maio

SINPOSPETRO-RJ rejeita proposta patronal e luta pela equiparação salarial no Rio
Força 11 ABR 2024

SINPOSPETRO-RJ rejeita proposta patronal e luta pela equiparação salarial no Rio

Negociação salarial dos frentistas do Rio será retomada hoje (10)
Força 10 ABR 2024

Negociação salarial dos frentistas do Rio será retomada hoje (10)

Sindicatos indianos lutam pelos direitos dos trabalhadores
Imprensa 10 ABR 2024

Sindicatos indianos lutam pelos direitos dos trabalhadores

Vídeos 10 ABR 2024

Resumo das atividades de terça-feira em Brasília; confira!

Centrais reúnem-se com Paim para debater projeto antissindical
Força 10 ABR 2024

Centrais reúnem-se com Paim para debater projeto antissindical

Sindicalistas se reúnem com Secretário Geral da Presidência da República
Força 9 ABR 2024

Sindicalistas se reúnem com Secretário Geral da Presidência da República

Sindnapi inaugura subsede em Campo Grande
Força 9 ABR 2024

Sindnapi inaugura subsede em Campo Grande

1º de Maio unitário das Centrais Sindicais será no Itaquerão
Força 9 ABR 2024

1º de Maio unitário das Centrais Sindicais será no Itaquerão

Sindicalistas se reúnem com ministro do TST
Força 9 ABR 2024

Sindicalistas se reúnem com ministro do TST

Mulheres da Central fazem avaliação do Março Mulher
Mulher 9 ABR 2024

Mulheres da Central fazem avaliação do Março Mulher

Abril Verde $ Abril Azul
Força 9 ABR 2024

Abril Verde $ Abril Azul

SINPOSPETRO-RJ busca novas parcerias em cursos para qualificação dos frentistas
Força 9 ABR 2024

SINPOSPETRO-RJ busca novas parcerias em cursos para qualificação dos frentistas

STF dá ganho de causa ao Sindserv contra prefeitura do Guarujá
Força 9 ABR 2024

STF dá ganho de causa ao Sindserv contra prefeitura do Guarujá

Sindicalistas levam reivindicações dos portuários ao governo
Força 9 ABR 2024

Sindicalistas levam reivindicações dos portuários ao governo

Um inovador primeiro passo
Artigos 8 ABR 2024

Um inovador primeiro passo

Nota: Apoiamos o Ministro Alexandre de Moraes contra as ameaças de Musk
Força 8 ABR 2024

Nota: Apoiamos o Ministro Alexandre de Moraes contra as ameaças de Musk

Força e Sindicato dos Metalúrgicos SP sediam encontro de Saúde do Trabalhador
Força 8 ABR 2024

Força e Sindicato dos Metalúrgicos SP sediam encontro de Saúde do Trabalhador

Seguridade Social uma questão de humanidade
Artigos 8 ABR 2024

Seguridade Social uma questão de humanidade

Agenda em Brasília: destaque para encontros com Ministros do Trabalho e da Previdência
Força 8 ABR 2024

Agenda em Brasília: destaque para encontros com Ministros do Trabalho e da Previdência

Ministro do Trabalho, Luiz Marinho, esclarece a regulação de motoristas de apps
Força 6 ABR 2024

Ministro do Trabalho, Luiz Marinho, esclarece a regulação de motoristas de apps

Aguarde! Carregando mais artigos...