_M6U3774(2)Crédito: Jaélcio Santana
Miguel Torres, presidente da Força Sindical
Para marcar a passagem do Dia Nacional dos Aposentados e do aniversário de 467 anos de São Paulo, dedicamos nossas homenagens a todos os que lutam pelos direitos previdenciários, sociais e trabalhistas da classe trabalhadora, pela vida, pela saúde, pelo emprego, com trabalho decente, e pelo desenvolvimento com cidadania, distribuição de renda, igualdade de oportunidades e justiça social.
 
Uma ação que merece destaque é a luta de nossas entidades sindicais pelo passe gratuito no transporte para os idosos a partir de 60 anos. 
 
Destaque também para todos os servidores públicos do Instituto Butantan pela produção da vacina CoronaVac, cientistas, pesquisadores e profissionais na linha de frente contra o coronavírus.
 
Nós, do movimento sindical brasileiro, sabemos que nestes tempos de crise a união, a solidariedade e as lutas são ainda muito mais necessárias, mesmo perante as limitações de ação causadas pela pandemia.
 
Mas estamos agindo, com as centrais sindicais articulando apoio para o envio de oxigênio da Venezuela para nossos irmãos do Amazonas e, junto a companheiros sindicalistas chineses, buscando da China urgência no envio para o Brasil dos insumos para as vacinas contra a maldita covid-19.
 
Estamos fazendo em relações internacionais aquilo que o governo brasileiro deveria ter feito há muito tempo, mas que não fez por incompetência, negacionismo, irresponsabilidade e incapacidade de governar para o social, para o desenvolvimento e para a vida.
 
Defendemos a vacinação urgente e eficaz para todos contra a covid-19, a continuidade das medidas de prevenção (distanciamento social, uso de máscaras, higienização e álcool gel), o retorno do auxílio emergencial de RS 600 mensais até o fim da pandemia, a manutenção dos empregos e da renda e uma maior participação de todos junto ao movimento sindical e demais movimentos sociais e políticos em defesa da vida, da saúde, da democracia e do desenvolvimento do Brasil.
 
A Luta faz a Lei!
 
Miguel Torres
Presidente da Força Sindical, da CNTM
e do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes
_M6U3774(2)Crédito: Jaélcio Santana
Miguel Torres, presidente da Força Sindical
Para marcar a passagem do Dia Nacional dos Aposentados e do aniversário de 467 anos de São Paulo, dedicamos nossas homenagens a todos os que lutam pelos direitos previdenciários, sociais e trabalhistas da classe trabalhadora, pela vida, pela saúde, pelo emprego, com trabalho decente, e pelo desenvolvimento com cidadania, distribuição de renda, igualdade de oportunidades e justiça social.
 
Uma ação que merece destaque é a luta de nossas entidades sindicais pelo passe gratuito no transporte para os idosos a partir de 60 anos. 
 
Destaque também para todos os servidores públicos do Instituto Butantan pela produção da vacina CoronaVac, cientistas, pesquisadores e profissionais na linha de frente contra o coronavírus.
 
Nós, do movimento sindical brasileiro, sabemos que nestes tempos de crise a união, a solidariedade e as lutas são ainda muito mais necessárias, mesmo perante as limitações de ação causadas pela pandemia.
 
Mas estamos agindo, com as centrais sindicais articulando apoio para o envio de oxigênio da Venezuela para nossos irmãos do Amazonas e, junto a companheiros sindicalistas chineses, buscando da China urgência no envio para o Brasil dos insumos para as vacinas contra a maldita covid-19.
 
Estamos fazendo em relações internacionais aquilo que o governo brasileiro deveria ter feito há muito tempo, mas que não fez por incompetência, negacionismo, irresponsabilidade e incapacidade de governar para o social, para o desenvolvimento e para a vida.
 
Defendemos a vacinação urgente e eficaz para todos contra a covid-19, a continuidade das medidas de prevenção (distanciamento social, uso de máscaras, higienização e álcool gel), o retorno do auxílio emergencial de RS 600 mensais até o fim da pandemia, a manutenção dos empregos e da renda e uma maior participação de todos junto ao movimento sindical e demais movimentos sociais e políticos em defesa da vida, da saúde, da democracia e do desenvolvimento do Brasil.
 
A Luta faz a Lei!
 
Miguel Torres
Presidente da Força Sindical, da CNTM
e do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes