Proguaru
Avança a luta em defesa da Proguaru e dos 4,6 mil empregos ameaçados pelo prefeito Guti. Assembleia quarta (15) decretou greve. Segunda (20) começa a paralisação.
 
O Sindicato dos Trabalhadores na Administração Pública Municipal de Guarulhos (Stap), que representa os empregados, comanda a mobilização e chama o empenho de todos. A Força Sindical Regional Guarulhos participou da assembleia a apoia o movimento. 
 
O presidente do Stap, Pedro Zanotti Filho, diz: "Hoje é na Proguaru. Amanhã, pode ser contra qualquer outro setor da categoria". A meta é realizar uma greve vitoriosa. Pedro adianta: “Só continuará a trabalhar Servidor da Proguaru que atue nas unidades de saúde (os ASGs)”. 
 
ATO - Segunda (20), o Sindicato comandará concentração em frente ao Paço Municipal, na avenida Bom Clima, 90, a partir das 10 horas. A paralisação começa nas primeiras horas da manhã. 
 
Sindicalismo - Todo o sindicalismo da cidade apoia. Para o coordenador da Regional da Força Sindical, José Barros da Silva Neto, “a Proguaru há décadas presta bons serviços á população e precisa ser mantida”.
 
Proguaru
Avança a luta em defesa da Proguaru e dos 4,6 mil empregos ameaçados pelo prefeito Guti. Assembleia quarta (15) decretou greve. Segunda (20) começa a paralisação.
 
O Sindicato dos Trabalhadores na Administração Pública Municipal de Guarulhos (Stap), que representa os empregados, comanda a mobilização e chama o empenho de todos. A Força Sindical Regional Guarulhos participou da assembleia a apoia o movimento. 
 
O presidente do Stap, Pedro Zanotti Filho, diz: "Hoje é na Proguaru. Amanhã, pode ser contra qualquer outro setor da categoria". A meta é realizar uma greve vitoriosa. Pedro adianta: “Só continuará a trabalhar Servidor da Proguaru que atue nas unidades de saúde (os ASGs)”. 
 
ATO - Segunda (20), o Sindicato comandará concentração em frente ao Paço Municipal, na avenida Bom Clima, 90, a partir das 10 horas. A paralisação começa nas primeiras horas da manhã. 
 
Sindicalismo - Todo o sindicalismo da cidade apoia. Para o coordenador da Regional da Força Sindical, José Barros da Silva Neto, “a Proguaru há décadas presta bons serviços á população e precisa ser mantida”.