Empresa oficializou o desligamento em janeiro deste ano
fordCrédito: Arquivo
A fábrica de veículos,  Ford,  vai pagar R$ 2,5 bilhões ao governo da Bahia por conta da saída da fábrica de Camaçari . Ao todo, foram empregos perdidos com a saída da empresa da cidade. As informações foram adiantadas pela CNN Brasil.
 
A indenização ainda não foi definida, mas foi confirmada por fontes do jornal. A empresa efetivou a saída de Taubaté e da Bahia em janeiro de 2021.
 
A verba seria para compensar os incentivos fiscais fornecidos pelo governo do estado durante o período de operação da planta industrial. Procurado, o governo do estado disse que prefere "não se manifestar" sobre o assunto.
 
Quanto aos funcionários, a Ford fechou acordos de indenização com aproximadamente 5 mil trabalhadores de Camaçari e Taubaté (SP), após entendimento os sindicatos de metalúrgicos locais. Cada um deles recebeu pelo menos R$ 130 mil, além de direitos normais de rescisão de contratos.
fordCrédito: Arquivo
A fábrica de veículos,  Ford,  vai pagar R$ 2,5 bilhões ao governo da Bahia por conta da saída da fábrica de Camaçari . Ao todo, foram empregos perdidos com a saída da empresa da cidade. As informações foram adiantadas pela CNN Brasil.
 
A indenização ainda não foi definida, mas foi confirmada por fontes do jornal. A empresa efetivou a saída de Taubaté e da Bahia em janeiro de 2021.
 
A verba seria para compensar os incentivos fiscais fornecidos pelo governo do estado durante o período de operação da planta industrial. Procurado, o governo do estado disse que prefere "não se manifestar" sobre o assunto.
 
Quanto aos funcionários, a Ford fechou acordos de indenização com aproximadamente 5 mil trabalhadores de Camaçari e Taubaté (SP), após entendimento os sindicatos de metalúrgicos locais. Cada um deles recebeu pelo menos R$ 130 mil, além de direitos normais de rescisão de contratos.