Menu

Mapa do site

Emissão de boleto

Nacional São Paulo

Emissão de boleto

Nacional São Paulo
25 ABR 2024

Imagem do dia

8⁰ Congresso Internacional de Direito Sindical 8⁰ Congresso Internacional de Direito Sindical

Imagem do dia - Força Sindical

Enviar link da notícia por e-mail

Meio Ambiente

Empresas que desmatam Amazônia usam paraísos fiscais para investir

terça-feira, 14 de agosto de 2018

Meio Ambiente

Empresas que desmatam Amazônia usam paraísos fiscais para investir

Estudo divulgado hoje na Europa revela que quase 70% do capital estrangeiro em gado e soja da Amazônia vem de paraísos fiscais
AmazôniaCrédito: Divulgação

Cientistas pediram nesta segunda-feira (13) uma transparência maior a respeito do uso de paraísos fiscais por parte de empresas envolvidas em atividades que prejudicaram os oceanos do mundo e a Floresta Amazônica.

Em um estudo publicado no periódico científico Nature Ecology and Evolution, eles disseram que muitas firmas que praticam a pesca ilegal em todo o mundo usaram paraísos fiscais para registrar suas embarcações, e que investimentos na agricultura que danificam a floresta tropical muitas vezes provêm de contas destes locais.

 O estudo vem na esteira do vazamento de 2015 dos Panama Papers, que mostraram como indivíduos e empresas ricos usam esquemas em paraísos fiscais para reduzir suas contas.

Setenta por cento dos barcos de pesca implicados em atividades ilegais, não relatadas ou não regulamentadas foram registrados em algum momento nestes destinos, com destaque para Belize e Panamá, escreveram os cientistas no periódico. Em contraste, só cerca de 4% de todos os barcos de pesca registrados em todo o mundo navegam com bandeiras de paraísos fiscais, disseram.

Os cientistas também citaram documentos do Banco Central do Brasil que revelaram que quase 70% do capital estrangeiro investido por grandes empresas no plantio de soja ou no gado de corte no país — ou 18,4 bilhões de dólares de um total de 26,9 bilhões de dólares — partiu de paraísos fiscais no período 2000-2011.

A derrubada de vegetação realizada para abrir fazendas de soja e de gado de corte foi um "impulsionador crucial do desmatamento", especialmente nos primeiro anos do período, disseram. A maioria dos fundos para soja e gado de corte partiu das Ilhas Cayman, das Bahamas e da Holanda.

"No caso dos viveiros de peixes… há exemplos de uso ilegal de paraísos fiscais. Estamos falando de sonegação de impostos", disse o principal autor do estudo, Victor Galaz, da Universidade de Estocolmo, à Reuters.

Em comparação, Galaz disse não haver nada de ilegal no uso de paraísos fiscais para canalizar dinheiro para fazendas do Brasil, mas acrescentou que isso às vezes pode funcionar como um subsídio indireto para práticas ambientalmente danosas.

O relatório não mencionou empresas de pesca, mas os cientistas escreveram a companhias listadas nos documentos do Banco Central brasileiro, que mostraram que Cargill e Bunge têm as maiores quantidades de empréstimos ou de dinheiro fluindo através de paraísos fiscais.

Ambas as empresas afirmaram estar comprometidas com a proteção do meio ambiente e apoiaram uma moratória de soja no Brasil em 2006, que proíbe a compra de áreas recentemente desmatadas.

"Nós não 'escondemos' lucros ou dinheiro em paraísos fiscais", escreveu um representante da Cargill aos autores. "Nossa empresa está sujeita nos EUA à divulgação completa de todas as nossas atividades e contas bancárias associadas a empresas não americanas."

A Cargill disse à Reuters que não havia nada a acrescentar a essa declaração.

"Nosso objetivo é construir cadeias de fornecimento sustentáveis e livres de desmatamento", escreveu um porta-voz da Bunge em um e-mail à Reuters, reafirmando os comentários que a empresa enviou aos autores.

Fonte: R7

Últimas de Meio Ambiente

Todas de Meio Ambiente
Justiça do Rio condena posto de combustíveis a pagar aos funcionários as perdas de planos econômicos
Força 17 MAI 2024

Justiça do Rio condena posto de combustíveis a pagar aos funcionários as perdas de planos econômicos

Pirelli: metalúrgicos aprovam acordo com PLR de R$ 20 mil
Força 17 MAI 2024

Pirelli: metalúrgicos aprovam acordo com PLR de R$ 20 mil

Metalúrgicos da Renault/Horse dão 72hs para retomar negociações
Força 17 MAI 2024

Metalúrgicos da Renault/Horse dão 72hs para retomar negociações

Movimento sindical leva propostas de ajuda ao RS no Conselhão
Força 17 MAI 2024

Movimento sindical leva propostas de ajuda ao RS no Conselhão

Sintraf Petrolina celebra aniversário de dez anos com grande evento, nesta sexta (17)
Força 17 MAI 2024

Sintraf Petrolina celebra aniversário de dez anos com grande evento, nesta sexta (17)

SinSaúdeSP realiza homenagem aos “heróis da saúde”
Força 16 MAI 2024

SinSaúdeSP realiza homenagem aos “heróis da saúde”

Sindieventos Bahia participa de debate sobre trabalho na cultura
Força 16 MAI 2024

Sindieventos Bahia participa de debate sobre trabalho na cultura

SINPOSPETRO-RJ oferece tratamento ambulatorial de qualidade aos associados
Força 16 MAI 2024

SINPOSPETRO-RJ oferece tratamento ambulatorial de qualidade aos associados

Cabeça de bacalhau
Artigos 16 MAI 2024

Cabeça de bacalhau

Metalúrgicos da Ferrolene aprovam ação solidária ao povo do RS
Força 16 MAI 2024

Metalúrgicos da Ferrolene aprovam ação solidária ao povo do RS

Ferrolene: trabalhadores e empresa unidos em solidariedade ao povo do RS
Força 16 MAI 2024

Ferrolene: trabalhadores e empresa unidos em solidariedade ao povo do RS

Sindicato dos Metalúrgicos de SP e Força Sindical enviam água para o RS
Força 15 MAI 2024

Sindicato dos Metalúrgicos de SP e Força Sindical enviam água para o RS

Sindnapi auxilia idosos desabrigados no RS
Força 15 MAI 2024

Sindnapi auxilia idosos desabrigados no RS

Sindnapi ouve pré-candidatos a vereadores e prefeito
Força 15 MAI 2024

Sindnapi ouve pré-candidatos a vereadores e prefeito

Apoio à greve dos trabalhadores da Renault\Horse
Força 15 MAI 2024

Apoio à greve dos trabalhadores da Renault\Horse

Calamidade no RS: sindicalismo solidário!
Força 15 MAI 2024

Calamidade no RS: sindicalismo solidário!

Sindicalistas e Marinho debatem ações para ajudar o RS
Força 15 MAI 2024

Sindicalistas e Marinho debatem ações para ajudar o RS

Direto de Brasília!
Força 15 MAI 2024

Direto de Brasília!

Metalúrgicos da Ferrolene fazem ato nesta quarta (15)
Força 15 MAI 2024

Metalúrgicos da Ferrolene fazem ato nesta quarta (15)

Calamidade no RS: veja propostas das centrais sindicais entregues ao Ministro Marinho
Força 15 MAI 2024

Calamidade no RS: veja propostas das centrais sindicais entregues ao Ministro Marinho

Sindicalistas se reúnem com Senador Alcolumbre
Força 15 MAI 2024

Sindicalistas se reúnem com Senador Alcolumbre

Tabela de salários do município do RJ é distribuída nos postos
Força 15 MAI 2024

Tabela de salários do município do RJ é distribuída nos postos

Porto de Santos e região poderão ter mais auditores fiscais do trabalho
Força 14 MAI 2024

Porto de Santos e região poderão ter mais auditores fiscais do trabalho

Novas delegadas de fábrica do SMC são empossadas
Força 14 MAI 2024

Novas delegadas de fábrica do SMC são empossadas

Sindicalistas debatem fortalecimento sindical com liderança do PSD
Força 14 MAI 2024

Sindicalistas debatem fortalecimento sindical com liderança do PSD

Ônibus vazio no 6º dia de greve na Renault
Força 14 MAI 2024

Ônibus vazio no 6º dia de greve na Renault

Refeições Coletivas SP se mobiliza para ajudar população do RS
Força 14 MAI 2024

Refeições Coletivas SP se mobiliza para ajudar população do RS

Trabalhadores da Construção Civil SP conquistam aumento real
Força 14 MAI 2024

Trabalhadores da Construção Civil SP conquistam aumento real

MTE é parceiro estratégico do Pacto Global da ONU – Rede Brasil
Imprensa 14 MAI 2024

MTE é parceiro estratégico do Pacto Global da ONU – Rede Brasil

Borracheiros SP entregam doações às vitimas das chuvas no RS
Força 13 MAI 2024

Borracheiros SP entregam doações às vitimas das chuvas no RS

Aguarde! Carregando mais artigos...