Menu

Mapa do site

Emissão de boleto

Nacional São Paulo

Emissão de boleto

Nacional São Paulo
29 MAI 2024

Imagem do dia

Presidente da Força Sindical, Miguel Torres, participou, nesta terça-feira (28), do evento onde o presidente Lula sancionou a Lei que institui o Programa Depreciação Acelerada para modernização da indústria nacional. Veja fotos do evento com presidente Lula

Imagem do dia - Força Sindical

Enviar link da notícia por e-mail

Relações Internacionais

Montevidéu (URG): Plano de ação para 2010 elaborado na IX Cumbre Sindical do Cone Sul

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Relações Internacionais

Montevidéu (URG): Plano de ação para 2010 elaborado na IX Cumbre Sindical do Cone Sul

O movimento sindical internacional aqui representado expressa novamente seu compromisso com a unidade latino americana e reivindica seu papel histórico de avançar até uma sociedade sem exploradores nem explorados.

Vemos como fundamental aprofundar os processos de integração regional como MERCOSUL, UNASUR, e todo aquele que materialize a unidade de ação e construção de nossos povos no caminho de concretizar a Pátria Grande.

Por isso, ratificamos as declarações de outros encontros celebrados pela classe trabalhadora organizada pelo Cone Sul com a intenção de seguir desenvolvendo o que já temos construído.

Somado a isso, propomos sintetizar o discutido durante esta jornada para a elaboração de uma agenda de trabalho e um plano de ação do sindicalismo do Cone Sul:

– Seguir aprofundando a unidade dos trabalhadores e trabalhadoras da região, assumindo o compromisso de que somente pela unidade de nossas centrais é possível construir um processo de mudança com o destaque necessário para a classe trabalhadora.

– Necessitamos urgentemente de políticas públicas destinadas a uma justa distribuição da riqueza. Nosso continente é o mais desigual de todo o planeta, com economias competitivas confinadas, cujas conseqüências são a exclusão e a vulnerabilidade social. Se impõe trabalhar por um projeto de desenvolvimento produtivo regional que permita uma complementação entre nossas nações.

– Reconhecer o trabalho decente como pilastra central de todas as políticas, fortalecendo o diálogo social gerando âmbitos institucionais de negociação coletiva com participação genuína da classe trabalhadora organizada.

– Alinhar as estratégias para um desenvolvimento sustentável, promovendo um papel ativo dos Estados em defesa de nossos recursos naturais e contemplando o cuidado com o meio ambiente.

– Garantir e aprofundar nossas democracias, porque entendemos que somente com mais democracia podemos defender os direitos conquistados e aspirados aos novos desafios.

– Promover mediante todas as ações possíveis pela adoção de uma legislação que vá de encontro com a realidade de cada país e que assegurem a igualdade de direitos de todos e todas, trabalhadores e trabalhadoras com atenção especial para as trabalhadoras domésticas.

– Promover acordos entre países para o reconhecimento dos direitos da segurança social dos(as) trabalhadores(as) migrantes.

AGENDA E CRONOGRAMA DE AÇÃO

Mobilizações e jornada continentais de luta no marco de

– 8 de março: Dia Internacional da Mulher

– 1º de maio: Dia Internacional do Trabalho

– 7 de outubro: Dia Internacional do Trabalho Decente

– 10 de dezembro: Dia Internacional dos DDHH

– Concentrar a ação sindical no segmento de monitoração das multinacionais

– Plano de luta das Centrais Sindicais da América Latina pela redução da jornada de trabalho

– Plano de ação sindical pela ratificação dos convênios da OIT nos países da região, em particular os convênios 102, 131, 156 e 158, assim como reivindicar a preeminência da OIT como marco normativo tripartite.

– Promover a criação de um Órgão público de controle extremo do MERCOSUL, com participação significativa dos trabalhadores.

– Coordenar ações para garantir a saúde política e as condições sanitárias para nossos povos para não terem que se submeter aos desígnios das corporações dos medicamentos.

– Sermos contrários a substituição da normativa trabalhista internacional da OIT por outras normas flexibilizadoras e unilaterais que propiciam aos empregadores claras vantagens.

– Plano de ação sindical pela adoção e execução do Pacto Global de Emprego da OIT.

– Aprofundar a construção de meios de comunicação próprios para mitigar a criminalização dos movimentos sindicais nos meios hegemônicos e apoiar as transformações em comunicação que tenda a democratizar-los.

– Criar uma estratégia de alianças com outras organizações do campo popular.

Últimas de Relações Internacionais

Todas de Relações Internacionais
OIT: Miguel Torres defende fortalecimento das negociações coletivas
Força 12 JUN 2024

OIT: Miguel Torres defende fortalecimento das negociações coletivas

Químicos de Rio Claro fazem Curso de Fortalecimento da CIPA
Força 12 JUN 2024

Químicos de Rio Claro fazem Curso de Fortalecimento da CIPA

Centrais debatem prioridades dos trabalhadores com Alckmin
Força 12 JUN 2024

Centrais debatem prioridades dos trabalhadores com Alckmin

Vídeos 12 JUN 2024

Miguel Torres e Nilton Neco dão o recado direto da 112ª Conferência da OIT

Santos: Sindest quer aumentar efetivo de servidores com reforma administrativa
Força 11 JUN 2024

Santos: Sindest quer aumentar efetivo de servidores com reforma administrativa

Defendemos a criação de um programa emergencial robusto
Artigos 11 JUN 2024

Defendemos a criação de um programa emergencial robusto

Cerca de 78% das greves foram para manter direitos em 2023
Força 11 JUN 2024

Cerca de 78% das greves foram para manter direitos em 2023

Postos de combustíveis devem fornecer PPP aos funcionários
Força 11 JUN 2024

Postos de combustíveis devem fornecer PPP aos funcionários

Salário mínimo atual é 5 vezes menor que o necessário
Imprensa 11 JUN 2024

Salário mínimo atual é 5 vezes menor que o necessário

MTE inclui 19 novas profissões na Classificação Brasileira de Ocupações
Imprensa 10 JUN 2024

MTE inclui 19 novas profissões na Classificação Brasileira de Ocupações

Presidente da Força, Miguel Torres, defende fortalecimento das negociações coletivas na OIT
Força 10 JUN 2024

Presidente da Força, Miguel Torres, defende fortalecimento das negociações coletivas na OIT

Fórum Estadual da Liberdade Sindical realiza audiência coletiva
Imprensa 10 JUN 2024

Fórum Estadual da Liberdade Sindical realiza audiência coletiva

112ª Conferência Internacional da OIT – agenda de 10 de junho
Força 10 JUN 2024

112ª Conferência Internacional da OIT – agenda de 10 de junho

Dívidas de famílias atingem maior nível desde novembro de 2022: 78,8%
Imprensa 10 JUN 2024

Dívidas de famílias atingem maior nível desde novembro de 2022: 78,8%

O alimento indigesto da semeadura
Artigos 10 JUN 2024

O alimento indigesto da semeadura

Trabalhadores intensificam mobilização durante Conferência da OIT
Força 10 JUN 2024

Trabalhadores intensificam mobilização durante Conferência da OIT

Miguel Torres defenderá luta dos trabalhadores na OIT
Força 8 JUN 2024

Miguel Torres defenderá luta dos trabalhadores na OIT

Sindicalistas debatem reindustrialização do Brasil
Força 7 JUN 2024

Sindicalistas debatem reindustrialização do Brasil

SINPOSPETRO-RJ luta por aumento real para frentistas do RJ
Força 7 JUN 2024

SINPOSPETRO-RJ luta por aumento real para frentistas do RJ

Aposentados: SINDNAPI é a entidade com menor índice de reclamação, diz TCU
Força 7 JUN 2024

Aposentados: SINDNAPI é a entidade com menor índice de reclamação, diz TCU

Químicos da Força debatem desafios do movimento sindical
Força 7 JUN 2024

Químicos da Força debatem desafios do movimento sindical

OIT alerta: crises podem afetar avanços no mundo do trabalho
Imprensa 7 JUN 2024

OIT alerta: crises podem afetar avanços no mundo do trabalho

MTE atualiza multas trabalhistas para 2024; saiba novos valores
Imprensa 6 JUN 2024

MTE atualiza multas trabalhistas para 2024; saiba novos valores

Lei para motoristas de app pode mudar futuro do trabalho
Imprensa 6 JUN 2024

Lei para motoristas de app pode mudar futuro do trabalho

Segurança e medicina do trabalho em debate na Força Sindical
Força 6 JUN 2024

Segurança e medicina do trabalho em debate na Força Sindical

Trabalhadores da Construção Pesada podem deflagrar greve em toda Bahia
Força 6 JUN 2024

Trabalhadores da Construção Pesada podem deflagrar greve em toda Bahia

Sindnapi deverá ser protagonista no debate sobre a Previdência Social
Artigos 6 JUN 2024

Sindnapi deverá ser protagonista no debate sobre a Previdência Social

Secretário-geral da Força participa de debate sobre reindustrialização do Brasil
Força 6 JUN 2024

Secretário-geral da Força participa de debate sobre reindustrialização do Brasil

Mobilização em solidariedade ao RS continua
Força 6 JUN 2024

Mobilização em solidariedade ao RS continua

Todo apoio à Conalis
Artigos 6 JUN 2024

Todo apoio à Conalis

Aguarde! Carregando mais artigos...