Menu

Mapa do site

Emissão de boleto

Nacional São Paulo

Emissão de boleto

Nacional São Paulo
4 JUL 2024

Imagem do dia

Posse da nova diretoria do Sindicato dos Químicos de S j do Rio Preto

Imagem do dia - Força Sindical

Enviar link da notícia por e-mail

Imprensa

Justiça reduz índices de reajuste de planos coletivos de saúde

quarta-feira, 11 de julho de 2018

Imprensa

Justiça reduz índices de reajuste de planos coletivos de saúde

Clientes de planos coletivos de saúde estão conseguindo na Justiça reduzir reajustes anuais, limitando-os aos tetos aplicados pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) aos contratos individuais.
Justiça trabalhista é mais eficiente, diz juizCrédito: Divulgação

As decisões obrigam ainda as operadoras a devolver o que foi pago a mais pelos consumidores.

Pela legislação, a ANS só pode regulamentar os reajustes dos planos individuais. A previsão busca evitar aumentos abusivos, explica em seu voto o relator de um dos casos julgados recentemente pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), Sidney Tadeu Cardeal Banti, "pois o consumidor individual não possui nenhum poder de barganha".

Seria lógico, portanto, acrescenta o julgador da 3ª Turma Recursal Cível do Colégio Recursal – Lapa, que nos planos coletivos – por adesão ou empresariais -, onde há maior poder de negociação, "o reajuste anual não ocorresse em índices abusivos ou fora daquilo que se espera dentro da inflação". Mas, afirma o relator, "o que se vê é justamente o contrário".

"A maioria esmagadora dos planos coletivos possuem reajustes muito, mas muito acima da inflação, e bem superiores aos permitidos pela ANS em planos individuais, nos quais, ao menos, a inflação é representada, diz o relator em seu voto, que foi seguido à unanimidade pelos demais julgadores em um caso que garantiu a uma cliente da administradora Qualicorp e da SulAmérica Saúde aumentos pelos índices aplicados pela ANS para o período de 2012 a 2016 (recurso nº 1010544-28. 2017.8.26.0004).

Na decisão, segundo o advogado da cliente, Marcio Amato, do Amato Filho – Advogados, os julgadores levaram em consideração o fato de nem a administradora nem a operadora justificarem os reajustes aplicados, baseados em aumento de custos e sinistralidade. "Não se comprovou no processo como chegaram a tais índices", diz ele, destacando decisão do STJ que considerou "abusivo o reajuste de plano de saúde pelo índice que melhor atende aos interesses do fornecedor, sem que se acorde ou se dê ao consumidor qualquer informação a respeito do critério adotado".

A condenação do TJ-SP garante ainda a devolução da diferença entre os índices com correção monetária mais juros de 1% ao mês. Procurada pelo Valor, a Sul América informou que "não comenta processos judiciais em andamento". A Qualicorp também não quis se manifestar.

Em outro processo, a determinação para aplicação dos índices da ANS partiu da 10ª Câmara de Direito Privado do tribunal paulista. O caso (0251344-21.2009.8.26.0002) é de uma cliente que, após ser diagnosticada com doença que a deixou paraplégica, teve que arcar com aumentos de 70% praticados nos anos de 2008 e 2009. Na análise também levou-se em consideração a falta de provas para os reajustes.

Segundo o advogado Ricardo Ramires Filho, do Dagoberto Advogados, que representa a Associação Brasileira de Planos de Saúde (Abramge), as operadoras devem justificar os aumentos, com detalhes sobre número de consultas, exames e uso de Unidade de Tratamento Intenso (UTI), por exemplo. "Os planos têm todas essas informações e devem comprovar os índices aplicados", diz.

Fonte: Valor Econômico

Últimas de Imprensa

Todas de Imprensa
Férias escolares mais divertidas nas colônias conveniadas ao SINPOSPETRO-RJ
Força 12 JUL 2024

Férias escolares mais divertidas nas colônias conveniadas ao SINPOSPETRO-RJ

Vídeos 12 JUL 2024

Sinttrar inaugura simulador em parceria com o Sest Senat

Borracheiros marcam presença no Dia da Luta Operária
Força 12 JUL 2024

Borracheiros marcam presença no Dia da Luta Operária

No 9 de Julho, Clemente e Maeno cobram ambientes de trabalho seguros
Força 12 JUL 2024

No 9 de Julho, Clemente e Maeno cobram ambientes de trabalho seguros

Heróis da Saúde: SinSaúdeSP premia Airton Cano, do Sindicato dos Químicos do ABC
Força 12 JUL 2024

Heróis da Saúde: SinSaúdeSP premia Airton Cano, do Sindicato dos Químicos do ABC

Vendas no varejo avançam 1,2% em maio, impulsionadas por hiper e supermercados
Imprensa 12 JUL 2024

Vendas no varejo avançam 1,2% em maio, impulsionadas por hiper e supermercados

Com a Sabesp privatizada, você vai entrar pelo cano!
Artigos 12 JUL 2024

Com a Sabesp privatizada, você vai entrar pelo cano!

Luta pelo fim da violência contra o idoso continua
Artigos 12 JUL 2024

Luta pelo fim da violência contra o idoso continua

Metalúrgicos da Brovind aprovam PLR 2024 de R$ 1750,00
Força 10 JUL 2024

Metalúrgicos da Brovind aprovam PLR 2024 de R$ 1750,00

Frentistas do RJ retomam negociação salarial nesta quarta(10)
Força 10 JUL 2024

Frentistas do RJ retomam negociação salarial nesta quarta(10)

Conselho Nacional do Trabalho realiza reunião tripartite
Força 10 JUL 2024

Conselho Nacional do Trabalho realiza reunião tripartite

Vídeos 10 JUL 2024

Revisão da vida toda. Não para de chegar reforços!

Posse da diretoria dos Condutores de S J do Rio Preto
Força 10 JUL 2024

Posse da diretoria dos Condutores de S J do Rio Preto

Presidente da Força Sindical em Brasília!
Força 10 JUL 2024

Presidente da Força Sindical em Brasília!

Xangai canta: Matança; música
Força 5 JUL 2024

Xangai canta: Matança; música

Industriall debate fortalecimento sindical, negociação coletiva e reestruturação produtiva
Força 5 JUL 2024

Industriall debate fortalecimento sindical, negociação coletiva e reestruturação produtiva

Frentistas traçam estratégia de luta para a negociação no RJ
Força 5 JUL 2024

Frentistas traçam estratégia de luta para a negociação no RJ

Posse da nova diretoria do Sindicato dos Químicos de S j do Rio Preto
Imagem do dia 4 JUL 2024

Posse da nova diretoria do Sindicato dos Químicos de S j do Rio Preto

Mais de 87% dos reajustes negociados acima da inflação em maio
Imprensa 4 JUL 2024

Mais de 87% dos reajustes negociados acima da inflação em maio

Custo da cesta básica aumenta em 11 cidades
Imprensa 4 JUL 2024

Custo da cesta básica aumenta em 11 cidades

Produção industrial recua 0,9% em maio, segundo mês seguido de queda
Imprensa 4 JUL 2024

Produção industrial recua 0,9% em maio, segundo mês seguido de queda

Prazo para pagar 1ª parcela do abono do frentistas do RJ termina amanhã (5)
Força 4 JUL 2024

Prazo para pagar 1ª parcela do abono do frentistas do RJ termina amanhã (5)

Três indicadores
Artigos 4 JUL 2024

Três indicadores

Força participa da comemoração dos 248 anos da independência dos EUA
Força 3 JUL 2024

Força participa da comemoração dos 248 anos da independência dos EUA

Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco recebe VII SICED; participe!
Força 3 JUL 2024

Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco recebe VII SICED; participe!

Sindnapi inclui os idosos no debate sobre População e Desenvolvimento da AL e Caribe na Colômbia
Força 3 JUL 2024

Sindnapi inclui os idosos no debate sobre População e Desenvolvimento da AL e Caribe na Colômbia

Dieese realiza seminário sobre negociação coletiva dia 11 de julho
Força 3 JUL 2024

Dieese realiza seminário sobre negociação coletiva dia 11 de julho

Conscientização da saúde ocular em postos de combustíveis do RJ
Força 3 JUL 2024

Conscientização da saúde ocular em postos de combustíveis do RJ

Metal Mulheres da CNTM será no dia 27 de julho
Mulher 3 JUL 2024

Metal Mulheres da CNTM será no dia 27 de julho

Sindicato negocia e PLR na Mahle chega a R$ 4.150,00
Força 2 JUL 2024

Sindicato negocia e PLR na Mahle chega a R$ 4.150,00

Aguarde! Carregando mais artigos...