antonio_cruz_casa_popularCrédito: Antônio Cruz/Agência Brasil

O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) teve inflação de 0,30% em janeiro deste ano, acima do 0,22% em dezembro de 2019. Em 12 meses, o custo acumula alta de preços de 3,91%, abaixo da taxa acumulada nos doze meses anteriores (4,03%).

Com o aumento de preços, o custo da construção subiu para R$ 1.162,24 por metro quadrado.

Os materiais de construção tiveram alta de preços de 0,62% em janeiro, passando a custar R$ 609,39 por metro quadrado. A mão de obra, por outro lado, teve deflação (queda de preços) de 0,06% no mês, passando a ter o custo de R$ 552,85 por metro quadrado.

antonio_cruz_casa_popularCrédito: Antônio Cruz/Agência Brasil

O Índice Nacional da Construção Civil (Sinapi), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) teve inflação de 0,30% em janeiro deste ano, acima do 0,22% em dezembro de 2019. Em 12 meses, o custo acumula alta de preços de 3,91%, abaixo da taxa acumulada nos doze meses anteriores (4,03%).

Com o aumento de preços, o custo da construção subiu para R$ 1.162,24 por metro quadrado.

Os materiais de construção tiveram alta de preços de 0,62% em janeiro, passando a custar R$ 609,39 por metro quadrado. A mão de obra, por outro lado, teve deflação (queda de preços) de 0,06% no mês, passando a ter o custo de R$ 552,85 por metro quadrado.